10 dicas para escolher o melhor protetor solar

Tempo de leitura: 7 min

Escrito por gabriel
em abril 4, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

10 dicas para escolher o melhor protetor solar

Escolher um protetor solar adequado é uma questão de saúde muito importante. Você deve ter em mente que esse tipo de escolha garante uma qualidade de vida melhor e uma proteção muito mais efetiva para sua pele.

O correto é que as pessoas utilizem o protetor solar todos os dias, independente do clima, pois ele possui uma série de benefícios que vão além de diminuir a queimadura na pele. 

Ele serve para criar uma camada de proteção para a sua pele, assim como um impermeabilizante manta líquida cria uma camada de proteção em um telhado contra as variações climáticas.

Mesmo entre as pessoas que têm esse costume, aplicar o protetor solar errado pode ser tão prejudicial quanto não passá-lo, uma vez que a textura ou o fator podem atrapalhar a proteção da pele, causando uma série de danos.

Por isso, é muito importante conhecer os protetores solares e entender suas possibilidades antes de efetivamente começar a aplicar o produto. A pele é um órgão muito sensível do corpo humano, e deve ser protegida com o mesmo cuidado de um laudo de periculosidade.

Dentre os principais males do excesso de exposição aos raios ultravioletas estão:

  • Envelhecimento precoce;
  • Ressecamento da pele;
  • Manchas e pintas;
  • Câncer de pele.

Evitar todos estes elementos é muito importante para garantir mais conforto e tranquilidade para seu dia a dia, e por conta disso, você deve saber como se proteger adequadamente.

Uma vez que cada pessoa é única, torna-se uma questão de testar para identificar qual dos protetores solares tem efeitos mais benéficos para sua pele. Além disso, consultar-se com um profissional também é muito importante.

Os dermatologistas são capazes de fazer testes e identificar os principais pontos que você precisa de proteção, ajudando-o a entender melhor que tipo de protetor você deve usar ao estar exposta a um climatizador evaporativo e as melhores marcas para isso.

Para conseguir se preparar, entretanto, existem algumas dicas que podem ser muito valiosas. Elas ajudam a identificar pontos importantes dos protetores solares e podem ser elementos que você avaliará na hora de escolher o seu.

  1. Proteção UVB e UVA

Um dos pontos que muitas pessoas não se atentam é ao tipo de proteção que o produto oferece. Normalmente, os protetores solares têm efetividade tanto contra os raios UVB quanto aos UVA, mas em fatores diferentes.

Quando você identifica o FPS de um determinado produto, deve ter em mente que esse valor indica o grau de proteção contra os raios UVB, que são responsáveis pelo câncer de pele e por queimaduras de sol, independente do grau.

Entretanto, a proteção contra os raios UVA também é muito importante, principalmente para evitar o envelhecimento precoce e o surgimento de manchas pelo corpo.

Estes raios não possuem o mesmo nível de proteção, sendo considerado normalmente um terço do FPS para um determinado protetor lidar com esse tipo de ação. Isso significa que quanto maior o FPS, mais proteção você terá contra ambos os raios solares.

Por isso, ao trabalhar em um projeto fotovoltaico, essa proteção é fundamental.

  1. Limites de FPS

O termo, que significa Fator de Proteção Solar, representa o grau que o produto em questão consegue defender a pele dos raios emitidos pelo sol. Esse valor é estipulado pelo Consenso Brasileiro de Fotoproteção, um grupo de especialistas em dermatologia.

Para garantir sua segurança na utilização desse produto, o mínimo que um protetor pode ter de FPS é 30. Valores abaixo desse não terão efetividade para prevenção de todos os males que o excesso de exposição solar pode causar, o que se torna um problema a longo prazo.

  1. Protetor Solar com hidratante

Muitas pessoas se preocupam com o ressecamento da pele, um dos efeitos danosos do excesso de exposição solar.

Normalmente, esse tipo de situação é resolvida com a aplicação de um creme hidratante depois de um dia de trabalho em engenharia de avaliações.

Entretanto, pelo fato de o protetor solar também ser um creme, na maioria das vezes as pessoas ficam confusas quanto a ordem de passar esse tipo de produto, para garantir o máximo de eficiência em ambos os casos.

O ideal é que você passe o protetor solar sempre por último, garantindo que ele ficará mais tempo agindo sobre o corpo. No caso de querer usar antes, é interessante que a aplicação seja logo após o hidratante para garantir uma efetividade maior dos dois produtos.

Deixe alguns minutos entre uma aplicação e outra, porém, para não diluir os materiais ao mesmo tempo. Alguns minutos são o suficiente para a pele absorver a hidratação e estar pronta para receber o protetor solar depois de fazer uma simulação acústica.

  1. Protetores com ou sem cor

Alguns protetores atuais são transparentes, com o objetivo de ficar menos marcado enquanto você aproveita o sol. Entretanto, os protetores com pigmentação acabam sendo muito mais fortes que os outros.

Isso acontece porque a cor cria uma barreira física que ajuda a proteger a pele contra os raios ultravioleta, conferindo assim uma estrutura de proteção mais adequada para o corpo como um todo.

É preciso espalhar bem os protetores com cor, criando uma camada intensa que previne os efeitos danosos do sol. E você precisa ficar atento quando está passando o protetor, para evitar problemas com manchas caso não passe corretamente.

  1. Tipo de pele

O tipo de sua pele diz muito sobre como você pode agir com relação ao protetor solar escolhido. Alguns produtos possuem “toque seco”, que são muito escolhidos por pessoas que possuem a pele naturalmente oleosa.

Já aqueles que preferem se sentir hidratados, ou que possuem problemas de ressecamento de pele, a opção é o protetor tradicional, que normalmente é vendido em formato de creme ou loção.

Independente de sua escolha, ambos possuem as mesmas capacidades de proteção, deixando que você se adapte a forma como sua pele precisa de atenção, usando um lençol hospitalar para ajudar a se proteger mais.

  1. Produtos oil-free

Os produtos oil-free são uma categoria mais recente no mercado, e normalmente indicam que o protetor tem uma propensão menor de causar cravos ou problemas com acne, o que pode ser muito bom para pessoas que naturalmente já possuem esse tipo de complicação.

Protetores solares oil-free costumam ser específicos para o rosto, com qualidades que são necessárias para uma aplicação mais saudável, deixando a pele mais uniforme.

Além disso, é importante tomar cuidado com a utilização em conjunto com outros elementos por uma questão de segurança biológica.

Pessoas que gostam de usar maquiagem, por exemplo, devem se atentar aos cuidados de usar o protetor no momento certo, aplicando-o de forma funcional e sem estragar a make.

  1. Produtos hipoalergênicos

Tome cuidado com a forma como um determinado produto é vendido no mercado. Muitas marcas colocam seus protetores solares como hipoalergênicos, mas qualquer protetor do mercado trabalha com substâncias que podem causar alergias.

O ideal é você fazer um teste em sua pele antes de espalhar pelo corpo todo, lembrando que não só os protetores mas qualquer item cosmético pode causar uma série de reações alérgicas em seu corpo.

Os protetores ainda são filtros químicos, que naturalmente irritam a pele. Por isso, é preciso tomar alguns cuidados em particular para evitar problemas no futuro.

  1. Dermatologicamente testado

Outro termo que muitas vezes pode confundir o usuário é a expressão “dermatologicamente testado”, muito comum em protetores e outros produtos para a pele.

A verdade é que o termo simplesmente indica que o produto foi testado por seres humanos, em um ambiente sob controle de um médico especializado em dermatologia. Isso não traz nenhum benefício adicional para o produto.

Tampouco ajuda a identificar se as reações que ele causará em sua pele são mais ou menos seguras. Esse termo simplesmente indica que o produto passou pelos testes de qualidade exigidos pelos órgãos regulamentadores do mercado.

  1. Todo protetor é igual?

Embora todos os protetores solares sejam produtos químicos com o objetivo de resguardar a pele do excesso de contato com raios solares, nem todos eles agem da mesma maneira.

Enquanto alguns absorvem os raios, impedindo-os de chegar até a pele, outros refletem estes raios, evitando o contato em primeiro lugar. Para pessoas com pele sensível, o ideal é usar o protetor físico, que tem menos chance de irritação na pele.

  1. Protetor solar em ambientes fechados

Embora os maiores riscos de doenças sejam através dos raios de luz solar, existem algumas complicações de pele que podem ser afetadas pela luz visível, como é chamada a luz artificial em ambientes fechados.

Neste caso, o uso do protetor segue sendo uma necessidade, mesmo que você não esteja exposto ao sol diretamente.

Considerações finais

O uso de protetores solares é muito importante para manter a saúde e bem-estar da sua pele no dia a dia, seja para curtir uma praia ou piscina, ou mesmo em um dia comum de trabalho.

Portanto, escolher o protetor ideal é fundamental para garantir que você terá um risco menor de problemas relacionados à pele e aproveite com mais tranquilidade suas atividades.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.