Ingredientes básicos se transformam em cervejas complexas

Tempo de leitura: 2 min

Escrito por admin
em junho 6, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

<strong>Ingredientes básicos se transformam em cervejas complexas</strong>

Quatro componentes são a base para uma das bebidas mais populares do mundo

A cerveja já foi considerada há muitos anos um presente dos Deuses e um alimento. É queridinha nos bares e também nos lares brasileiros. Inclusive, mesmo sem os grandes eventos, festivais e com o Carnaval cancelado, as pessoas aqui no país aumentaram o consumo de cerveja em 2021. É o que aponta um levantamento realizado pelo SINDICERV, o sindicato das indústrias de cerveja. Ao todo, o número de consumo passou de 13,31 bilhões de litros em 2020 para 14,3 bilhões no ano seguinte, totalizando uma alta de 7,7%.

Hoje em dia, existem diversos tipos de cerveja, desde as mais tradicionais até as especiais, que envolvem ingredientes como rapadura, frutas cítricas ou café. Mas todas elas têm a mesma base.

Água

Essa matéria-prima representa 90% da cerveja, e por isso, é necessário ser de ótima qualidade. Isso porque a água carrega minerais que, somados aos outros ingredientes, interferem diretamente no sabor. Hoje em dia, é possível ter um tratamento específico, possibilitando que as cervejarias se instalem em diversos lugares.

Cevada

Um cereal germinado e torrado. É daí que o malte dá o sabor, aroma, corpo e que produz o açúcar necessário, que depois é transformado em álcool. Outros grãos como milho, trigo ou centeio podem ser adicionados nesta fase do processo, gerando estilos diferentes de cervejas.

Lúpulo

Planta típica de regiões mais frias, esse é o ingrediente considerado o tempero da cerveja. O amargor, aroma cítrico e os condimentados vêm das resinas e óleos do lúpulo. É utilizada em dois momentos: no início da fermentação do mosto, para justamente dar o amargor, e no final, para manter os aromas. Antigamente, também já foi utilizada como antisséptico.

Levedura

O álcool da cerveja vem a partir dos açúcares extraídos do malte. Isso acontece devido à levedura cervejeira. São microrganismos que “comem” o açúcar e transformam em álcool e gás carbônico, entre outros elementos. Além disso, são fontes de vitaminas do complexo B.

Esses são os componentes básicos para a produção da cerveja. Elas são classificadas de acordo com o teor de álcool e extrato pelo malte. É possível definir também de acordo com o tipo de fermentação, sendo que as mais conhecidas são fermentadas em uma temperatura mais fria: Pilsener, Munich, Vienna, Dortmund, Einbeck, Bock e Export. Estima-se que, ao todo, tenham mais de 20 mil tipos de cerveja no mundo, e justamente por ter um alto consumo, as maneiras de apreciar essa bebida também evoluíram. Hoje em dia, é muito popular beber em copos térmicos, como copo Stanley

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.