7 dicas de como conseguir comprar uma casa própria

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por Carlos Meira
em julho 4, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

7 dicas de como conseguir comprar uma casa própria

É importante conhecer a sua realidade financeira atual antes de fazer tal investimento

Um dos maiores sonhos do brasileiro é adquirir a casa própria. E não é para menos, já que este é um tipo de patrimônio que, além de ser responsável por mudanças significativas na vida do cidadão, é também um investimento de alto custo.

Nessas horas, é muito comum ter dúvidas e se questionar se, de fato, temos condições financeiras para comprar o nosso lar. A boa notícia é que existem diferentes formas de alcançar este sonho, como financiar um imóvel ou fazer um consórcio.

Portanto, separamos algumas dicas e alternativas para você que deseja sair do aluguel ou da casa dos pais e investir no seu próprio apartamento ou em uma casa.

Casa própria: sonho x realidade

Quando se pretende adquirir algo, seja algo de baixo custo, como um pão, ou de alto custo, como um automóvel, é preciso considerar se há dinheiro para realizar tal compra. Em se tratando de um imóvel, isso não poderia ser diferente.

Portanto, o primeiro passo é considerar a sua realidade financeira atual. Quanto você ganha mensalmente? Você está trabalhando? Sua renda é fixa ou variável? Existem reservas financeiras disponíveis? A compra será feita de modo individual ou compartilhado (com seu cônjuge, por exemplo)?

Responder a essas e a outras questões é necessário, pois permitirá que você tenha um panorama da sua realidade concreta e do quanto você dispõe para investir no seu sonho. Quem está desempregado ou não tem um emprego fixo, por exemplo, pode adiar os planos de compra para quando estiver com mais estabilidade salarial. 

Para facilitar ainda mais a sua escolha, separamos as principais dicas para que você consiga realizar, enfim, o sonho da casa própria.

Comece a poupar

Poupar é uma meta que todo mundo deveria ter na vida, afinal de contas, é com essa segurança extra que podemos fazer uma viagem ou mesmo adquirir um imóvel. Então, se você não faz isso ainda, comece já! Corte gastos supérfluos e tente reduzir ao máximo as suas despesas mensais.

Tenha em mente que a maioria dos negócios exigirá uma entrada de pelo menos 20% do valor total da casa na hora da compra. Então, se organize para juntar todos os meses esse valor. Lembre-se também de que, quanto maior a entrada, menor será o valor do financiamento.

Considere as despesas da compra

É preciso analisar o valor disponível para arcar com despesas relacionadas à compra do imóvel. Isso inclui, por exemplo, custos de cartório, análise jurídica da documentação, avaliação do imóvel e o Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (IBTM). Sugerimos que você guarde 4% do valor do imóvel para tais gastos.

Leve em conta fatores externos

Considere ainda fatores como localização e tamanho do imóvel, que vão aumentar ou reduzir o valor da propriedade em questão. O custo de vida da região também precisa ser levado em consideração, bem como a proximidade com farmácias, hospitais, postos de saúde, supermercados, áreas de lazer e comércio em geral.

Confira diferentes condições de financiamento

São raros os casos em que a pessoa possui o montante suficiente para fazer a compra de um imóvel à vista, por isso a solução mais viável é o financiamento. Analise prazos, formas de pagamento e benefícios de cada instituição financeira e veja qual delas oferece aquilo que melhor te atende.

Veja o financiamento via Casa Verde Amarela

Outra possibilidade é recorrer ao financiamento pelo programa do governo federal Casa Verde e Amarela, o antigo Minha Casa, Minha Vida. Ele tem taxas menores de juros e considera a renda mensal bruta familiar de R$2,4 mil até R$7 mil.

Utilize seu FGTS

O saque do FGTS é uma alternativa inteligente para a compra da casa própria, podendo ser usado tanto como parte do pagamento, quanto como um aporte para as parcelas do financiamento.

Faça um consórcio de imóveis

O consórcio é uma possibilidade para quem não tem tanta pressa de conseguir de imediato a sua casa. Trata-se de um grupo de pessoas com o mesmo objeto (no caso, o imóvel) que vai pagar um valor durante determinado período. A cada mês, uma pessoa é contemplada com uma carta de crédito para a compra do imóvel.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.